Caros sócios e amigos,
 
Estamos de parabéns! A Missão Pertinente começou há, exatamente, um ano!
 
Nascemos com o propósito de prevenir, resgatar, e requalificar as vítimas das Experiências Adversas na Infância, longe de adivinhar que a própria Associação iria encontrar as adversidades com que se deparou no seu primeiro ano de vida. 
 
E por isso, estamos de parabéns outra vez! Estamos de parabéns duplamente porque vivemos na pele a máxima, a que nos propusemos“da adversidade à resiliência.”
 
Portanto, ao fim do primeiro ano, estamos mais fortes do que inicialmente poderíamos pensar, porque, na verdade, é na adversidade que se forja o carácter.
 
Isto significa que há uma esperança para aqueles que passam ou passaram por Experiências Adversas na Infância; essa adversidade pode, realmente, ser transformada em resiliência.
 
De acordo com o que tínhamos estabelecido inicialmente, o primeiro ano de atividade foi de preparação: sabemos, desde o início, que a Missão a que nos propomos não é uma tarefa fácil, e por isso foi importante dotarmos a Missão Pertinente de meios para fazer vingar o projeto; alicerces sólidos que nos permitam encarar com eficácia e segurança as realidades atuais e futuras.
 
No momento de advento da Inteligência Artificial e da aparente crescente imaturidade emocional, fazia sentido dotar a Missão Pertinente de meios tecnológicos avançados que permitissem estar próximo de todas as Pessoas, porque uma Associação é, sobretudo, constituída por Pessoas.
 
A plataforma tecnológica que criámos, está preparada para automatizar processos, para criar uma rede social interna para partilha de experiências e desenvolvimento de parcerias,  
para disponibilizar uma Academia de Formação para profissionais e membros da comunidade, para criar um repositório científico, que possibilite futuras investigações na área, para disponibilizar um espaço de colaboração em grupos de apoio e, futuramente, uma série de serviços clínicos especializados, 100% online.
 
O processo de reconhecimento como IPSS está em curso, e o Congresso, agendado para novembro, conta com a confirmação dos melhores especialistas portugueses nesta matéria.
 
Com isto, estamos preparados para o futuro!
 
E o futuro, é todo teu! Será muito mais brilhante com a tua participação.
 
Esta causa afeta-nos a todos, e portanto, está na hora de todos nos unirmos em torno da construção de soluções que permitam viabilizar uma sociedade mais justa, mais equilibrada, e em que todos tenhamos espaço para sermos nós próprios!
 
Há muitas coisas para fazer, há muitas formas de colaborar, mas aquilo a que não te deves permitir é fingir que o tema não te afeta, e a esperar que outros o resolvam.
 
Se não conheces o nosso projeto convidamos-te a ver o nosso vídeo de apresentação, a visitar a nossa páginaa conhecer a possibilidade de colaboração entre profissionais, as oportunidades de voluntariado, inscreveres-te como sócioe/ou a fazeres um donativo, que nos permita criar condições financeiras para viabilizar o projeto ou a seres parceiro  ou patrocinador.
 
O futuro da Missão Pertinente é teu. Por favor não ignores este chamamento.
 
Por ti, pelos teus, por nós, por todos.

Um Abraço e Até Breve

A Direção da Missão Pertinente

plugins premium WordPress